segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Abandonar ou não Abandonar?


"Saber desistir.
Abandonar ou não abandonar.
— esta é muitas vezes a questão para um jogador.
A arte de abandonar não é ensinada a ninguém.
E está longe de ser rara a situação angustiosa em que devo decidir
se há algum sentido em prosseguir jogando.
Serei capaz de abandonar nobremente?
ou sou daqueles que prosseguem teimosamente
esperando que aconteça alguma coisa?"
Não sei se ela jogava xadrez, mas este trecho de Clarice Lispector expressa com perfeição o sentimento de um enxadrísta diante de uma posição desesperada. O abandono mais famoso da história do xadrez com certeza foi na partida Capablanca x Vidmar ,em Londres no ano de 1922.

E hoje em dia? Há quase um século depois, será que estamos sabendo a hora certa de abandonar ou, como disse Clarice, sempre esperamos que alguma coisa aconteça?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...